Sala Vip Maple Leaf Lounge Vancouver (8º Trip Report)

Chegamos no aeroporto de Vancouver bem cedo, já que tinha que devolver o carro antes do meio dia para não pagar uma diária extra.

O check in para passageiros GOLD da Star Alliance é feito em balcões exclusivos, quando realizamos o check in perguntei da disponibilidade de pegar um voo mais cedo para Toronto já que ele era operado por um 787, avião que ainda não tinha viajado. O funcionário colocou a gente em lista de espera no voo mais cedo e falou para estarmos no portão 40 minutos antes do voo para saber se íamos conseguir vaga nesse voo.


1) Sala Vip Star Alliance Lounge São Paulo 
2) Vôo Air Canada São Paulo para Toronto em Classe Econômica
3) Sala Vip Maple Leaf Lounge Toronto Terminal 1 Domestic
4) Vôo Air Canada de Toronto para Vancouver em Classe Econômica 
5) Hotel Aava Whistler
6) Hotel Hilton Garden Inn Seattle North/Everett 
7) Visita a Fábrica da Boeing em Everett 
8) Hotel Doubletree Seattle Airport
9) Visita ao Museum of Flight em Seattle 
10) Hotel Pinnacle Harbourfront Vancouver
11) Vôo Harbour Air de Vancouver para Nanaimo
12) Vôo Harbour Air de Nanaimo para Vancouver 
13) Sala Vip Maple Leaf Lounge Vancouver (esse post)
14) Vôo Air Canada de Vancouver para Toronto em Classe Econômica
15) Sala Vip Maple Leaf Lounge Toronto Terminal 1 International
16) Vôo Air Canada de Toronto para São Paulo em Classe Econômica


Passamos pelo raio x pela fila prioritária e fomos pra sala vip da Air Canada, a Maple Leaf Lounge.

maple leaf lounge vancouver

A entrada do lounge é bem bonita mas acabou passando desapercebida, fomos até o final do terminal pra perceber que tínhamos passado da entrada do lounge.

maple leaf lounge vancouver

Na recepção mostramos o cartão de embarque e pegamos o elevador para o lounge, que fica 1 andar acima do terminal.

maple leaf lounge vancouver

Logo na entrada tem um pequeno business center

maple leaf lounge vancouver

maple leaf lounge vancouver

Estivemos na sala perto do meio dia e ela estava bastante cheia, porém nada que incomodasse.

maple leaf lounge vancouver

maple leaf lounge vancouver

maple leaf lounge vancouver

maple leaf lounge vancouver maple leaf lounge vancouver

A melhor parte do lounge: cerveja self service!

maple leaf lounge vancouver maple leaf lounge vancouver

As opções de comida se resumiam a nachos, salada e vegetais. Achei as opções bem fracas, quase padrão sala vip dos Estados Unidos.

maple leaf lounge vancouver

Passamos pouco tempo na sala, mas tempo suficiente para tomar algumas cervejas. A caminhada do lounge pro portão de embarque não durou mais que 5 minutos, chegando lá já estavam chamando meu nome no microfone, ou seja, iamos viajar pela primeira vez no 787! Mas isso é assunto pro próximo post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *